logotipo bonecas quebradas teatro

INTEGRANTES

Conheça as outras integrantes:

Luciana Mitkiewicz

Carla Soares

1/1

Gabriele Rosa

Sol em touro, lua e ascendente em áries. É, eu sei...! Quando uma ideia me mobiliza eu persisto até materializá-la. Sou poeta e historiadora e grafiteira e atuo como dramaturgista. Em 2015, troquei a faculdade de Automação Industrial por História. A escrita sempre foi a minha expressividade, mas segui pelos caminhos da eletricidade, uma paixão da adolescência. Quem nunca quis construir uma bobina de Tesla? Mas a palavra quando confinada transborda, e meu transbordamento me levou à graduação em História na UFRRJ. E a partir do Coletivo CuidadoPoema pude experimentar múltiplas linguagens artísticas. Nesse laboratório de experimentações desenvolvi minha prosa em narrativa regressiva e publiquei o livro de contos Fendas extraordinárias (Patuá, 2019). Desde então, aceitei a palavra como pulso, correnteza e afeto (Deleuze). Acredito numa literatura plural, acessível, que expande e ressignifica olhares. Publico contos e prosas poéticas em diversas revistas literárias. As temáticas feministas mobilizam a minha escrita. Lavínia é mais Rosa que Espinho (Libertinagem, 2021, no prelo) narra violências de gênero em suas diversas faces. Pesquisar o grafite enquanto heterotopia múltipla (Foucault) reencantou o meu olhar às ruas, aos processos, aos lugares de escuta e aos trabalhos colaborativos. Colidi com o teatro em 2020. Despalavramento! Ando descobrindo os caos e os cosmos da dramaturgia. Caminho com os pés fincadinhos na terra, acredito nos afetos e na coletividade.